rebaptismos

«sempre que instituição, organismo ou alguém, sacana, diz querer proteger-me, fico nervoso. E se na “ideia” surgem encavalitados o Estado, governo,… dá-me vontade de partir prá porrada»

Sem comentários: