Presidenciais 2016

"Vem por aqui" - dizem-me alguns com os olhos doces
 Estendendo-me os braços, e seguros
 De que seria bom que eu os ouvisse
 Quando me dizem: "vem por aqui!"
 Eu olho-os com olhos lassos,
 (Há, nos olhos meus, ironias e cansaços)
 E cruzo os braços,
 E nunca vou por ali...
 (...)
Não, não vou por aí!
Só vou por onde Me levam meus próprios passos...»
(Cântico Negro - José Régio)

Estou cansado da lógica partidária, e dos seus gurus calculistas que de longe traçam caminhadas de realização pessoal em que não se vislumbra um resquício credível de dedicação à causa pública. Pelo contrário, os candidatos afiguram-se continuadamente reféns de lobbys das mais variadas naturezas, sejam de carácter económico ou simplesmente gerados em empatias e cumplicidades tecidas ao longo dos seus percursos políticos.
Irei por aqui, com as fragilidades e as eventuais contradições que mesmo o melhor dos candidatos terá e, sem ilusões nem falsas esperanças, numa singela manifestação de apoio ao imperativo de recuperar os valores éticos para a vida política e a gestão da res publica.



(clicar na foto para ver entrevista)
Enviar um comentário